Governo do Estado do Rio Grande do Sul
Início do conteúdo

Seduc inicia série de encontros voltados aos alunos sobre as Aulas Remotas

Primeira live do “Tipo aula: de aluno para aluno” ocorre nesta quinta-feira (27)

Publicação:

Cartaz da primeira edição do evento
Primeira edição terá o tema “Descomplicando o ensino remoto” - Foto: Seduc
Por Isabella Sander

A Secretaria Estadual de Educação (Seduc), por meio do Centro de Gestão e Inovação (Cegin), passará a promover uma série de lives de capacitação voltada para alunos nesta quinta-feira, 27 de agosto. Nomeadas “Tipo Aula: de aluno para aluno”, as transmissões acontecerão às quintas-feiras, às 14h. O tema da primeira edição será “Descomplicando o ensino remoto”. Clique aqui para acessar.

O formato das lives será semelhante ao utilizado nos vídeos do Letramento Digital – serão aulas de capacitação, com informações e conhecimentos sobre as ferramentas do Google For Education usadas nas Aulas Remotas, como Google Sala de Aula, e-mail educacional, Chrome, Drive, Documentos e Meet. Alunos da Rede Estadual de Ensino participação dos encontros virtuais, trazendo depoimentos e dicas para o uso dos recursos tecnológicos.

Ao contrário do Letramento Digital, que é voltado para docentes, o Tipo Aula será apresentado em uma linguagem pensada para os alunos. Quem ministrará as lives serão integrantes do Projeto E-duca.Digital que atuam como tutores no projeto, com a participação de alunos da rede.

Segundo Márcio Machado, professor do Letramento Digital que participa da organização do Tipo Aula, a ideia das lives voltadas para estudantes veio de docentes. “Vários professores disseram que alunos também precisavam de um Letramento Digital. Apesar de ficar à disposição para todos no YouTube, o Letramento tem uma linguagem diferente da que os estudantes estão acostumados. Nossa ideia é fazer algo bem simples, uma espécie de tutorial”, explica.

O principal objetivo com o Tipo Aula, conforme Machado, é facilitar a vida dos professores, evitando que eles precisem ensinar suas turmas a usarem a plataforma. “Queremos fazer com que os alunos entendam os recursos tecnológicos do Google For Education e consigam fazer a interação com seus professores de maneira fácil”, pontua.

Secretaria da Educação